domingo, 19 de novembro de 2017
Home / Notícias / Garrosh Grito Infernal, o Guerreiro

Garrosh Grito Infernal, o Guerreiro

pot garrosh

Garrosh Grito Infernal é filho do lendário Grommash Grito Infernal. Ele descobriu seu valor sob a orientação de Thrall. Como parte da Horda de Thrall, ele se destacou como um guerreiro terrível e um general excepcional. Como Chefe Guerreiro da Horda, sua ascensão meteórica, seu trágico declínio para o despotismo e sua crescente fome de poder marcaram o caminho de um indivíduo complexo. Um orc inconstante, longe do lar e que tentava viver de acordo com o legado de seu pai. Ele buscou trazer honra, glória e prosperidade para seu povo, mas suas boas intenções só o levaram ao caminho para a destruição.

Garrosh_HS_Blog_Thumb_3_CK_500x250.jpg

Ao longo dos anos, Garrosh, o filho de Grommash, ganhou destaque dentro do clã Mag’har em Terralém, e acabou sendo convidado por Thrall para ir Orgrimmar, a capital dos orcs em Azeroth, para tornar-se um de seus conselheiros. Na capital da Horda, Garrosh percebeu que os orcs sobreviviam em Orgrimmar, mas não prosperavam como ele achava que deviam. Garrosh não conseguia entender por que Thrall fizera escolhas que pareciam mais inclinadas a expiar o passado e preservar a paz, em vez de fazer o que fosse necessário para atender às atuais necessidades do seu povo. Da mesma forma, ele não conseguia entender por que Thrall não estava usando todo o poder da Horda para eliminar seus inimigos e tomar o que era necessário pela força. Este conflito fortaleceu a determinação de Garrosh para restaurar a verdadeira glória de Orgrimmar e garantir a prosperidade dos orcs, não importando o que — ou quem — estivesse em seu caminho.

Sem dúvida, Garrosh via a Aliança como os inimigos inequívocos da Horda e o principal obstáculo no caminho para a prosperidade verdadeira. Eles enfrentavam a Horda por recursos, atacavam assentamentos da Horda e matavam o povo, frustrando os esforços da Horda sempre que podiam. Era óbvio para Garrosh que o próximo passo era destruir a Aliança e proteger as terras e recursos de Kalimdor para a Horda.

Garrosh_HS_Blog_Thumb_8_CK_500x250.jpg

Com a disseminação da peste da morte-viva em Azeroth marcando o retorno do Flagelo para o povo azerothiano, Garrosh foi nomeado Lorde Supremo da Ofensiva Brado Guerreiro, para liderar o exército principal da expedição da Horda em Nortúndria, a origem da invasão de mortos-vivos e domínio do Lich Rei. Garrosh foi agressivo e brutal em suas táticas, quase beirando a imprudência. Ele combateu a Aliança e os mortos-vivos do Lich Rei com a mesma frequência. Ainda assim, não havia dúvida de que Garrosh era um líder talentoso e o exército da Horda retornou de Nortúndria vitorioso após derrotar as forças do Lich Rei.

O retorno triunfante de Garrosh para Orgrimmar foi motivo de grande celebração, e Thrall conferiu a ele Uivo Sangrento, o machado de Grommash, para honrar suas vitórias contra o Flagelo. No entanto, nem tudo estava bem em Orgrimmar. Por motivos desconhecidos naquele momento, os elementos haviam se tornado incontroláveis e violentos, fechando rotas importantes de abastecimento e tornando os recursos ainda mais escassos na já atribulada capital da Horda.

Garrosh_HS_Blog_Thumb_4_CK_500x250.jpg

O caos entre os espíritos elementais foi intensificado a tal ponto que a própria Orgrimmar foi atacada por elementais de fogo e terra, e a própria Azeroth estava ameaçada. Thrall, um xamã muito poderoso, percebeu que o problema estava fugindo do controle rapidamente e resolveu ir até Nagrand para buscar os conselhos de um sábio xamã que vivia lá para tentar conseguir uma solução.

Como Garrosh era o único orc com o porte e a popularidade necessária entre os orcs para tornar-se Chefe Guerreiro interino, Thrall o convocou ao Castelo Grommash e passou a liderança da horda para ele temporariamente. Essa atitude pegou Garrosh de surpresa. Ele tinha orgulho de seu poder e liderança na guerra, mas não tinha conhecimento de política ou de negociação. Ele avisou Thrall de suas limitações, mas Thrall as ignorou, garantindo a Garrosh que ele teria o apoio de conselheiros como o poderoso chefe tauren Caerne Casco Sangrento. Decidido a fazer o que seria melhor para a Horda, Garrosh aceitou o pedido.

Garrosh_HS_Blog_Thumb_7_CK_500x250.jpg

Por um tempo, Garrosh e Caerne trabalharam bem juntos, mas isso não duraria muito. Certo de que a brutalidade imprudente de Garrosh era perigosa demais, Caerne desafiou Garrosh para um duelo ritualizado pelo direito de liderar a Horda. Era exatamente a oportunidade que Magatha Temível Totem, a matriarca do clã Temível Totem, estava esperando. Ela envenenou Uivo Sangrento antes do duelo sem ser vista. Foi uma batalha de proporções titânicas e, mesmo em idade avançada, Caerne era um combatente poderoso e experiente. Ao ganhar vantagem, Garrosh fez um movimento desesperado que destroçou a arma de Caerne e desferiu um pequeno corte em seu peito. Caerne vacilou enquanto o potente veneno de Magatha corria por suas veias e Garrosh aproveitou a oportunidade para conferir o golpe mortal. Assim como o machado fora envenenado, este episódio macularia a liderança de Garrosh como Chefe Guerreiro envenenando o relacionamento entre Garrosh e os outros líderes das outras raças que compõem a Horda.

Garrosh_HS_Blog_Thumb_6_CK_500x250.jpg

Garrosh continuaria a priorizar o que ele acreditava ser o bem-estar da Horda sobre diplomacia ou manobras políticas, mesmo dentro de sua própria facção. Garrosh expandiu a campanha contra a Aliança, iniciando conflitos por toda Kalimdor. Com uma série de ataques e manobras estratégicas, Garrosh conseguiu que uma grande quantidade de líderes militares da Aliança ficassem concentrados em Theramore. Quando isso aconteceu, ele fez o impensável: ordenou que uma bomba de mana, uma arma de imenso potencial destrutivo, fosse detonada no forte da Aliança. Os efeitos foram devastadores e, no lugar da cidade, restou apenas uma cratera fumegante. Apesar do ataque ter sido uma vitória militar importante, os membros não-orcs da Horda ficaram horrorizados com as ações de Garrosh. O resultado final da investida foi uma Horda dividida e vulnerável, com alguns membros desconfiados e ressentidos da liderança de Garrosh e prestes a se rebelar. Percebendo a inquietação crescente na sua facção, Garrosh lidou com a insurreição iminente da maneira que ele conhecia: com força bruta. Ele deixou claro que quem não estivesse disposto a apoiar os esforços de guerra contra a aliança seria um traidor e sofreria a ira de seus guardas da elite Kor’kron. Para piorar as coisas, os eventos ocorridos em Theramore não acabaram com o ânimo da Aliança como era a intenção. Ao invés disso, o ataque resultou em uma Aliança unida com um propósito e dedicada a derrotar a Horda como nunca antes.

Garrosh_HS_Blog_Thumb_1_CK_500x250.jpg

Não restava esperança para soluções diplomáticas e a Aliança agora estava empenhada em uma guerra em larga escala contra a Horda. Com a descoberta de Pandária, as forças de Garrosh enfrentaram a Aliança seguidas vezes. O que Garrosh não sabia era que Pandária guardava um segredo: os Shas. Essas criaturas, nascidas da morte do deus antigo Y’Shaarj, são a manifestação física de emoções negativas como a raiva, o orgulho e o ódio. Em vez de pensar nos perigos inerentes aos shas e como a guerra somente os tornava mais fortes, Garrosh tinha certeza de que os shas eram um poder que ele poderia dominar. Garrosh queria tornar a Horda uma arma que poderia controlar Azeroth de uma vez por todas. Impaciente com a dissidência, seu reinado sobre a Horda tornou-se completamente opressor e sua busca para explorar o poder dos shas o levou a cometer várias atrocidades. Ele ordenou o assassinato de Vol’jin, o líder troll, apesar de não ter tido sucesso, e soou o Sino Divino, um artefato que transformou seus próprios soldados leais em aberrações infestadas pelo sha. Ele tomou medidas extremas, acusando toda a tribo Lançanegra de traição logo após o “assassinato” de Vol’jin e ordenou que vários não-orcs de Orgrimmar fossem capturados e presos ou executados.

Garrosh_HS_Blog_Thumb_9_CK_500x250.jpg

As ações de Garrosh desencadearam uma grande revolta, chamada de A Rebelião dos Lançanegra, entre os dissidentes da Horda. Liderados por Vol’jin e com a ajuda da Aliança, todos se voltaram contra ele. Implacável, Garrosh ainda estava determinado a dominar o poder dos seres mais sombrios de Pandária, e então submergiu o Coração de Y’Shaarj em um lago imaculado em um dos locais mais sagrados de Pandária. O poder sombrio do coração reagiu com o lago sagrado, causando um surto da poderosa energia dos shas para destruir e corromper as áreas ao redor. Com o coração energizado e rebeldes da Horda, pandarens e a Aliança unidos contra ele, Garrosh se preparou para enfrentar os atacantes dentro de uma fortaleza subterrânea abaixo de Orgrimmar. Garrosh não tinha medo. Garrosh transformara a Horda em uma máquina de guerra terrível e ainda tinha muitos soldados leais. Ele agora estava tomado por um poder proibido e incomensurável. Ele estava determinado a sair triunfante e, com o poder do sha ao seu comando, retornar para dobrar Azeroth à sua vontade e garantir a vitória final de sua “verdadeira” Horda.

Garrosh_HS_Blog_Thumb_CardOnly_CK_500x250.jpg

Garrosh é uma figura controversa, mas uma coisa é certa: ele está sempre pronto para trazer seu poder para o campo de batalha no Hearthstone! O machado de seu pai raramente saía do seu lado e sua lâmina afiada já derrubou inimigos poderosíssimos. Quando é usado, o poderoso machado parece ansiar pelo sangue das vítimas. Agora você pode usar o poder épico de Uivo Sangrento no seu deck de Guerreiro para partir em dois alguns lacaios infelizes ou desferir o golpe final em seus oponentes, assim como Grommash e Garrosh faziam.

Esperamos que tenha gostado de conhecer o passado tumultuado de Garrosh e seu papel no Hearthstone!

Fonte: Hearthstone™

Sobre Bruno

Veja Também...

Temporada Ranqueada de Dezembro 2015 de Hearthstone® – Xamã Esmagador

A temporada oficial de dezembro de Jogo Ranqueado de Hearthstone já está disponível – e …

Temporada Ranqueada de Novembro 2015 de Hearthstone® – Mapa do Explorador – Termina em Breve!

A temporada de Novembro de 2015 – Mapa do Explorador, termina no fim do mês, …