quarta-feira, 26 de julho de 2017
Home / Notícias / Naxxramas, a necrópole flutuante

Naxxramas, a necrópole flutuante

Naxxramas, a necrópole flutuante

Uma das masmorras de raide mais icônicas de World of Warcraft, a cidadela flutuante conhecida como Naxxramas estreia em breve em Hearthstone com Curse of Naxxramas: Uma Aventura de Hearthstone. Hoje contaremos um pouco sobre a história de Naxxramas, especialmente para aqueles que desconhecem os horrores que espreitam os sinistros corredores da necrópole.

Kel’Thuzad: Sede de poder

Muito acima do frio congelante do Ermo das Serpes no continente de Nortúndria, paira a antiga necrópole nerubiana conhecida como Naxxramas, lançando sobre a tundra estéril abaixo uma sombra negra. Segura de muitos dos terrores que poderiam representar ameaça, Naxxramas concentra uma vasta hoste de horrores mortos-vivos, pronta para fortalecer a influência e o alcance do Flagelo a qualquer momento.

Ocupando o trono de poder de Naxxramas, Kel’Thuzad coordena o geralmente descerebrado Flagelo numa força a serviço do Lich Rei. Em seus dias de mortal, Kel’Thuzad foi um poderoso mago humano, membro do alto escalão do Kirin Tor e colaborador do grande Arquimago Antônidas, então à frente da organização. O Kirin Tor tinha à disposição um vasto tesouro de segredos e sabedoria, e Kel’Thuzad passava horas sem fim devorando cada detalhe de conhecimento arcano – ou proibido – em que conseguisse pôr as mãos. Mesmo as artes arcanas mais sombrias, como a necromancia, eram minuciosamente estudadas por Kel’thuzad. Quanto mais se aprofundava na magia proibida, mais recluso se tornava, e mais seus companheiros o repudiavam.

A fim de convocar os indivíduos com ambição e força para se dobrarem à sua vontade, o Lich Rei enviou mensagens mentais direcionadas àqueles que, em sua visão, poderiam ser seduzidos pela promessa de poder. Kel’Thuzad foi o primeiro a responder ao chamado do Lich Rei – ao ver o poder do Lich Rei sobre os mortos-vivos, ele ansiou pelo mesmo, oferecendo então sua magia para o que o rei a usasse ao seu bel-prazer. Depois de uma longa, excruciante jornada às vastidões gélidas da Nortúndria, Kel’Thuzad prostrou-se aos pés do Lich Rei, oferecendo não apenas a lealdade, mas também sua própria alma.

“Servindo a mim, você terá conhecimento e poder para realizar seus sonhos mais ambiciosos. Em retorno, servirá a mim na vida e na morte, até o fim de seus dias. Se me trair, sua mente será destruída e você estará fadado a me servir mesmo assim.”

As palavras do Lich Rei, um misto de ameaça e promessa. Kel’Thuzad se tornaria servo, atendendo aos caprichos do, rei e, em troca, receberia poderes além de seus sonhos mais desvairados. Ele aceitou a oferta… como se tivesse escolha.

Dentro da necrópole

Kel’Thuzad, o lich, utiliza Naxxramas como base de operações para o Flagelo dos mortos-vivos. A cidadela está separada em quatro distritos, usados para treinar seus lacaios:

O Distrito dos Aracnídeos

O Distrito dos Aracnídeos é lar dos mortos-vivos nerubianos, uma antiga raça de aracnoides inteligentes. Normalmente reclusivos e reservados, enquanto vivos, os nerubianos lutaram bravamente contra o Flagelo dos mortos-vivos, mas foram subjugados em números. Antes imunes à peste da morte-viva, depois de mortos eles se tornavam incapazes de resistir e permanecerem mortos, unindo-se fatidicamente ao Flagelo dos mortos-vivos.

NaxxLore_AnubRekhan_HS_Lightbox_CK_250x250.jpgNaxxLore_GrandWidowFaerlina_HS_Lightbox_CK_250x250.jpgNaxxLore_Maexxna_HS_Lightbox_CK_250x250.jpg

Entre os lacaios reerguidos pelo Lich Rei está o Senhor da Cripta Anub’Rekhan, que, em vida, era um dos mais poderosos senhores nerubianos. Ele guarda as portas do distrito aracnídeo que abriga…

…a Grã-viúva Faerlina. Outrora membro de alta classe da Seita dos Malditos sob a liderança de Kel’Thuzad, na morte ela procria e nutre a quantidade aparentemente infinita de aracnídeos produzidos nas entranhas da cidadela. Mestre dos venenos e peçonhas, ela tem um profundo conhecimento de tudo que faz os humanos sofrerem. Os venenos que produz são derivados das aranhas criadas por…

Maexxna, uma imensa aranha trazida das profundezas da Nortúndria. Ela se alimenta de todos os tolos que adentram a necrópole, produzindo mais e mais das aranhas que Kel’Thuzad utiliza para alcançar seus torpes fins.

O Distrito da Peste

Apinhado de monstruosidades criadas pela peste, o distrito produz e refina a peste para ser usada como uma eficiente arma na destruição da humanidade e algo capaz de moldar a carne e aumentar a eficiência do exército morto-vivo de Kel’Thuzad.

NaxxLore_Noth_HS_Lightbox_CK_250x250.jpgNaxxLore_Heigan_HS_Lightbox_CK_250x250.jpgNaxxLore_Loatheb_HS_Lightbox_CK_250x250.jpg

Noth, o Pestífero, já foi um mago respeitado de Dalaran; até, assim como Kel’Thuzad, ouvir o clamor do Lich Rei. Igualmente sedento de poder, ele também atendeu ao chamado, suprindo as necessidades do Flagelo com seu domínio da necromancia e da urdidura de maldições. Assistindo à perda de inúmeras vidas inocentes com a Terceira Guerra, Noth questionou a decisão de se unir ao Flagelo. Logo Kel’Thuzad solucionou o crescente problema da compaixão que abrasava o peito de Noth, congelando seu coração.

Heigan, o Sujo, foi o mentor por trás da magia dos caldeirões que espalharam rapidamente a peste dos mortos-vivos por Lordaeron. Graças a Heigan, a peste corrompia não apenas os humanos, mas também a flora e a fauna locais. Toda a área selvagem nas cercanias de Lordaeron agora é chamada de “Terras Pestilentas”, boa parte graças a Heigan.

Um exemplo notório de efeito da peste sobre a flora e a fauna é Loatheb, o distorcido rastejante do pântano. Corrompendo os poderes regenerativos naturais das plantas, Loatheb pode evocar em seu auxílio esporos mortíferos capazes de espalhar rapidamente seu miasma e corromper as artes curativas.

O Distrito Militar

Muitos dos humanos e leais montarias que no passado serviram ao exército de Lordaeron agora usam seus talentos marciais no Distrito Militar de Naxxramas. Aqui, sob a liderança de Kel’Thuzad e do Lich Rei, eles afiam suas habilidades muito além do que poderiam ter conseguido em vida. Líderes, treinadores e estrategistas militares, todos se empenham em coordenar o Flagelo e torná-lo uma força imbatível, em vez de uma horda descerebrada.

NaxxLore_InstructorRazuvious_HS_Lightbox_CK_250x250.jpgNaxxLore_Gothik_HS_Lightbox_CK_250x250.jpgNaxxLore_FourHorsemen_HS_Lightbox_CK_250x250.jpg

O Instrutor Razúvio é o treinador de todos os Cavaleiros da Morte, os mais ferozes e leais entre os servos do Lich Rei. Seus ataques são certeiros e mortais, e rumores dizem que só aqueles que passam sob sua tutela podem suportar um golpe da sua lâmina rúnica assassina.

Gothik, o Ceifador, mestre da necromancia, ensina aos Cavaleiros da Morte iniciantes o poder de evocar mortos-vivos em seu auxílio. Até mesmo o Cavaleiro da Morte mais inexperiente pode evocar os mortos do túmulo, graças às técnicas sinistras, sombrias de Gothik. Fantasmas, carniçais, esqueletos – nada está a salvo da influência de Gothik.

A guarda real de Kel’Thuzad é formada pelos Quatro Cavaleiros, cada um com poderes sinistros à sua disposição: Lady Blaumeaux é mestre das sombras, capaz de drenar a essência vital daqueles em seu caminho; Thane Korth’azz controla o poder destrutivo do fogo, evocando até mesmo meteoros flamejantes dos céus; Sir Zeliek, um paladino tão poderoso em vida que, mesmo morto, ainda é capaz de usar os poderes da Luz; e, por fim, o Barão Rivendare, um velho camarada que Kel’Thuzad que, após a morte, continua a servir ao companheiro com seus poderes sombrios e o esquelético Corcel da Morte.

O Distrito dos Constructos

O Distrito dos Constructos abriga abominações horrendas, remendos sinistros de outros seres vivos. Uma corrente constante de lodo tóxico flui por esta área de Naxxramas; apesar de não representar ameaça para os constructos mortos-vivos que por lá se arrastam, a gosma viscosa é fatal para quem ainda gosta de, por exemplo, respirar e ter pulso.

NaxxLore_Patchwerk_HS_Lightbox_CK_250x250.jpgNaxxLore_Grobbulus_HS_Lightbox_CK_250x250.jpg

NaxxLore_Gluth_HS_Lightbox_CK_250x250.jpgNaxxLore_Thaddius_HS_Lightbox_CK_250x250.jpg

Retalhoso é uma das abominações mais poderosas de Kel’Thuzad – sua força e agilidade surpreendem quem o enfrenta em combate. Longe de um morto-vivo descerebrado e molenga, Retalhoso usa a fúria para subjugar qualquer coisinha de carne que o perturbe com saraivadas de poderosos ataques. Mas ele só quer brincar!

Grobbulus espreita das profundezas do Distrito dos Constructos, carregando a gosma que flui por Naxxramas dentro de seu imenso corpanzil. O primeiro gigante de carne a vingar, Grobbulus foi criado para ser um vetor formidável, membro de um exército capaz de espalhar a peste com o máximo de velocidade. Um dos braços de Grobbulus foi substituído por uma seringa, que ele usa para injetar a gosma pestilenta de Naxxramas nos inimigos.

Gluth, o cão pestilento morto-vivo, aguarda obedientemente as ordens de seus mestres em Naxxramas. Nenhum biscoitinho satisfaz a fome voraz, insaciável de Gluth – dizem que ele é capaz de devorar um exército de mortos-vivos todos os dias, usando-o para remendar sua própria carne pútrida.

O último dos imensos horrores do Distrito dos Constructos é Thaddius. Criada a partir de costuras feitas com a carne de inocentes, a massiva abominação ocupa um laboratório experimental de Naxxramas, ladeada por duas monstruosas criaturas – Stalagg e Feugen. Poderosos raios elétricos se propagam pelo laboratório, carregando Thaddius e seus horrendos lacaios.

Covil da Serpe Gélida

No pináculo de Naxxramas, protegido por Sapphiron, a ancestral serpe gélida esquelética, habita o próprio Kel’Thuzad.

NaxxLore_Saphiron_HS_Lightbox_CK_250x250.jpgNaxxLore_KelThuzad_HS_Lightbox_CK_250x250.jpg

Antes membro da revoada azul de Malygos, Sapphiron foi morto por Arthas Menethil e reerguido dos mortos para proteger Kel’Thuzad por toda a eternidade. Assim como vários outros entre a Revoada Dragônica Azul, Sapphiron portava um imenso poder mágico, que só aumentou quando o próprio Lich Rei o ressuscitou para servir ao Flagelo. O frio está a seu serviço; com sua magia, ele protegerá Kel’Thuzad custe o que custar.

NaxxLore_MrBigglesworth_HS_Lightbox_CK_250x250.jpg

O verdadeiro gênio por trás dos segredos da necrópole (brincadeirinha, ele é só um gato!), dizem que o Sr. Bigglesworth é a última ligação remanescente de Kel’Thuzad com sua vida mortal. Miau!

Que tal encarar os terrores de Naxxramas com seus cards e um bocado de estratégia em Hearthstone? Os infelizes campeões do Flagelo e seus lacaios esperam seu desafio em Curse of Naxxramas: Uma Aventura de Hearthstone! Aguarde!

Fonte: Blizzard

Sobre Bruno

Veja Também...

Temporada Ranqueada de Dezembro 2015 de Hearthstone® – Xamã Esmagador

A temporada oficial de dezembro de Jogo Ranqueado de Hearthstone já está disponível – e …

Temporada Ranqueada de Novembro 2015 de Hearthstone® – Mapa do Explorador – Termina em Breve!

A temporada de Novembro de 2015 – Mapa do Explorador, termina no fim do mês, …